Língua Portuguesa

Série – A Nossa Unidade

Domen Kočevar – Eslovénia


“Levanta a cabeça, ó Lanu! Vês uma luz ou luzes inumeráveis por cima de ti, brilhando no céu negro da meia-noite?

“Eu percebo uma chama, ó Gurudeva! Vejo milhares de centelhas não destacadas, que nela brilham.

“Dizes bem. E agora observa em ti, e dentro de ti mesmo. Essa luz que arde no teu interior, porventura a sentes de alguma maneira diferente da luz que brilha em teus irmãos humanos?
“Não é de modo algum diferente, embora o prisioneiro continue seguro pelo Carma e as suas vestes externas enganem os ignorantes, induzindo-os a dizer: Tua Alma e Minha Alma.”, H. P. B., “A Doutrina Secreta”, Vol.I, p. 120

Recém-inspirado pela Conferência Internacional de Teosofia e pelo Centro Internacional de Teosofia de Naarden, tentarei pôr em palavras algumas reflexões sobre a Unidade. Dirigimos o nosso pensamento para o futuro, embora não muito distante, de 100 anos. O que seria da Teosofia, como estaria a unidade, o que seria da religião, existiria alguma…? Se formos sinceros no nosso modo de pensar e se nos concentrarmos com a mente calma, aberta e atenta e com poucas ideias preconcebidas (incluindo as teosóficas), podemos ter um vislumbre do Devachan na Terra.

Read more: Série – A Nossa Unidade

A onda crescente da mudança

Boris de Zirkoff – EUA

A Living Philosophy For Humanity
Volume XXXVI
No. 4 (162) - Spring 1980


Foto original (1980) da capa da revista: Dia radioso de Inverno, perto de Davos, na Suíça

No meio da grande luta que está a ter lugar no mundo externo entre o bem e o mal, entre o apelo ao dever nobre em relação à humanidade e a atração pelo egoísmo e pela ganância, as ideias perenialistas da vida espiritual destacam-se numa glória maior quando são projetadas contra as nuvens sombrias do ódio, da violência e crueldade terríveis.

Não confundamos os sintomas vistos abundantemente em todos os lados. O enorme influxo de forças espirituais e intelectuais dinâmicas a partir da sua fonte imorredoura empurra as forças opositoras do materialismo para uma posição desesperada de último recurso, ao longo da linha do pensamento e empreendimento humanos. A onda crescente do pensamento espiritual arranca superstições humanas, agita os charcos da indiferença e traz à luz o que a escuridão esconde.

Read more: A onda crescente da mudança

A pessoa espiritual: o álcool liberta “a besta dentro de nós”.

Muitas vezes, as descobertas científicas refletem as expetativas dos cientistas e do público. Por vezes, ficam lá perto. Noutras vezes, os resultados da investigação simplesmente surpreendem toda a gente.

O caso em apreço é a investigação recente do professor Peter R. Giancola do Departamento de Psicologia da Faculdade das Artes e Ciências da Universidade do Kentucky. Ele e o seu antigo aluno de pós-graduação Aaron Duke encontraram uma inesperada relação entre as crenças espirituais, violência e consumo de álcool.

“De forma muito simplista – em muitos casos quanto mais religiosa uma pessoa é, mais agressiva ela se tornará depois de beber álcool “, disse Giancola.

O investigador definiu pessoa religiosa como alguém que “encontra sentido no sagrado”, independentemente da doutrina que segue.

Read more: A pessoa espiritual: o álcool liberta “a besta dentro de nós”.

Série A Nossa Unidade – A Nossa Unidade Reside na Nossa Busca pela Verdade

Ali Ritsema – Holanda

Buscar a verdade é a missão de cada teosofista, diz H. P. Blavatsky. É a busca pela verdade que devem ter (ou deveriam ter) em comum todos os estudantes de Teosofia e é nesta busca que reside a nossa Unidade.

Tal como expresso no símbolo da Sociedade Teosófica: Satyan Nasti paro Dharma, “A Verdade está além de quaisquer ensinamentos/religiões.”

“Embora não exista qualquer verdade absoluta sobre tema algum, num mundo tão finito e condicionado como é do próprio ser humano, existem verdades relativas e temos que extrair o maior proveito delas”, escreveu H. P. B.. O mais importante para a nossa busca é preparar a nossa mente porque a Verdade universal só pode ser refletida pela nossa consciência espiritual e não pode ser encontrada dentro das nossas capacidades cerebrais. A nossa consciência espiritual é a mente manásica iluminada pela luz de Buddhi, o nosso verdadeiro Eu.

Read more: Série A Nossa Unidade – A Nossa Unidade Reside na Nossa Busca pela Verdade

Série A Nossa Unidade – ... Tudo Começa com um Ideal

Barend Voorham – Holanda

Tudo começa com um ideal. O idealismo pertence à parte búddhica da nossa consciência. Buddhi dá-nos uma visão da Verdade. E a Verdade é que na essência do nosso ser estamos unidos. É uma ilusão, mâyâ, acreditar que estamos separados uns dos outros. Os estudantes de Teosofia deveriam sabê-lo.

Isto não significa que sejamos todos iguais. Nem mesmo duas folhas de uma árvore são exatamente iguais. É por isso muito natural que tenhamos visões distintas da Unidade de todos os seres. Todos nós desenvolvemos as nossas capacidades de forma individual.

Read more: Série A Nossa Unidade –... Tudo Começa com um Ideal

Semelhanças e Diferenças nas Tradições Teosóficas

Jim Colbert- EUA
[Este ensaio foi publicado pela primeira vez no número de primavera de 2014 da International Theosophy Magazine. É reproduzido aqui após uma ligeira revisão.]

Introdução:

O artigo que está prestes a ler não pretende abordar com profundidade e abrangência todas as tradições teosóficas. Tem como objetivo providenciar uma plataforma para comparação e compreensão. É dito por alguns que o ato de reconhecer as semelhanças e diferenças entre as tradições pode ajudar-nos a ganhar uma compreensão mais sólida da nossa própria tradição. É nossa esperança que isto irá gerar comentários de todas as tradições com desacordos e concordâncias. Neste trabalho será dada saliência à Sociedade Teosófica de Point Loma, à Sociedade Teosófica de Adyar e à Loja Unida de Teosofistas. Estamos cientes de que existe uma tradição relevante associada à Sociedade Teosófica de Pasadena. Embora possua uma extensa biblioteca teosófica, esta sociedade não parece estar motivada face à possibilidade de uma maior unidade teosófica neste momento.

Read more: Semelhanças e Diferenças nas Tradições Teosóficas

Integrando Meditação e Ciência

A meditação consciente mindfulness produz experiências pessoais que não são fáceis de interpretar pelos cientistas que querem estudar os seus benefícios psiquiátricos no cérebro. Numa conferência realizada perto de Boston a 5 de abril de 2014, investigadores da Brown University descreveram como foram capazes de integrar a experiência de mindfulness com dados objetivos de neurociência de modo a levar a cabo um estudo mais rigoroso.

mindfulness é sempre pessoal e muitas vezes espiritual, mas a experiência da meditação não tem que ser subjetiva. Avanços na metodologia estão a permitir que os investigadores integrem as experiências de mindfulness com representações ou imagens do cérebro e dados de sinais neurais, para formar hipóteses verificáveis sobre a ciência e os benefícios para a saúde mental que derivam da prática.

Uma equipa de investigadores da Brown University liderada por Juan Santoyo apresentou a sua investigação no sábado, 5 de abril de 2014, na 12ª Conferência Científica Internacional Anual do Centro de Mindfulness da Escola de Medicina da Universidade de Massachussets. A sua metodologia emprega uma codificação estruturada dos relatos que os meditadores fornecem sobre as suas experiências mentais. É algo que pode ser correlacionado de forma rigorosa com medições quantitativas neurofisiológicas.

Read more: Integrando Meditação e Ciência

Text Size

Paypal Donate Button Image

Subscribe to our newsletter

Email address
Confirm your email address

Who's Online

We have 267 guests and no members online

TS-Adyar website banner 150

Facebook

itc-tf-default

International Theosophy Conferences Inc.

TS Point Loma/Blavatsky House

Vidya Magazine

TheosophyWikiLogoRightPixels