Língua Portuguesa

Série A Nossa Unidade – A Nossa Unidade Reside na Nossa Busca pela Verdade

Ali Ritsema – Holanda

Buscar a verdade é a missão de cada teosofista, diz H. P. Blavatsky. É a busca pela verdade que devem ter (ou deveriam ter) em comum todos os estudantes de Teosofia e é nesta busca que reside a nossa Unidade.

Tal como expresso no símbolo da Sociedade Teosófica: Satyan Nasti paro Dharma, “A Verdade está além de quaisquer ensinamentos/religiões.”

“Embora não exista qualquer verdade absoluta sobre tema algum, num mundo tão finito e condicionado como é do próprio ser humano, existem verdades relativas e temos que extrair o maior proveito delas”, escreveu H. P. B.. O mais importante para a nossa busca é preparar a nossa mente porque a Verdade universal só pode ser refletida pela nossa consciência espiritual e não pode ser encontrada dentro das nossas capacidades cerebrais. A nossa consciência espiritual é a mente manásica iluminada pela luz de Buddhi, o nosso verdadeiro Eu.

“Todos nós temos de nos livrar do nosso próprio Ego, o ser ilusório e aparente a fim de reconhecer o nosso ser verdadeiro numa vida divina transcendental,” de acordo com o Maha Chohan.

Este reconhecimento requer a nossa completa união com Buddhi-Manas. Para atingir essa união, devemos paralisar os sentidos da personalidade, purificar a mente e adquirir perceções internas que nunca nos irão iludir.

De acordo com H. P. B., existem alguns homens e mulheres perfeitamente capazes disto, cujo objetivo é o de viver sob a égide da sua Natureza divina. Ela aconselha: “Que ao menos tenham coragem para viver essa vida e não escondê-la da vista alheia! A opinião de seja quem for jamais deve ser considerada superior à voz da consciência de cada um. Portanto, que se deixe essa consciência, desenvolvida ao mais alto grau, guiar-nos nas ações diárias comuns. No que respeita à conduta da nossa vida interior, concentremos toda a nossa atenção no ideal que propusemos a nós próprios, e olhemos mais além, sem prestar a mínima atenção à lama sob os nossos pés.”

Ao conselho de H. P. B. segue-se uma observação severa: “Aqueles que forem capazes de fazer este esforço são verdadeiros teosofistas: todos os demais são simples membros, mais ou menos indiferentes e muitas vezes inúteis.” (Collected Writings 11:135).

Unamo-nos neste esforço e encorajemo-nos e apoiemo-nos mutuamente na nossa busca. Que nos deixemos guiar pelo desejo ardente do nosso verdadeiro Ser interior pela Verdade. Que nos tornemos num ponto de luz neste mundo, para que, unidos em espírito como buscadores da Verdade, possamos ser um farol da Teosofia neste deserto ilimitado da vida terrena.

Link to English version:
http://www.theosophyforward.com/our-unity-series/our-unity-series-our-unity-lies-in-our-quest-for-truth